Verde que te quero Heineken.

heineken

Para ser lido com a voz gutural do Paulo Goulart.

Verde que te quero Heineken, como uma reserva de mata intocada, depositório do doce néctar que sorvo satisfeito na forma de fluido amargo refrescante. Verde que te quero Heineken, pois preciosidade assim não encontra paralelos nem entre os mais valiosos tesouros, jóia genuína, verde fora, ouro dentro.

Verde que te quero Heineken, pois tem noites em que sou capaz de fazer tudo por uma esmeralda, cometendo as mais explícitas indiscrições, as mais desinibidas loucuras, os mais indecorosos e condenáveis comportamentos, pois é nessas noites, quando meu ímpeto de explorador e espírito aventureiro conduzem por tortuosas veredas, que revelo o ítimo de minha alma, no afã de ser preenchida com o verde da verdade, manifestando satisfação plena já nos primeiros e gélidos goles e fazem todo o esforço valer a pena.

Verde que te quero Heineken, como o verde que reluz no oceano, ao refletir o brilho do sol, o verde do mar que é o verde da garrafa, em mergulhos refrescantes no profundo da condição humana, transformando a realidade que nos rodeia em uma aprazível atmosfera de alegria e realização. É o contato com a água, a espuma, a cevada e o forte sabor, que passa pelas derradeiras papilas que, posicionadasla  atrás, ficam com o melhor, o gosto amargo da cerveja que segue seu caminho, mas mas não sem antes deixar seu rastro memorável, marcante.

Verde que te quero Heineken, como o verde dos olhos daquelas mulheres que nos arrebatam, no encantam, nos derrubam, nos deixam inebriados. Como se buscássemos em cada garrafa reconhecer o poder hipnótico de uma Jenifer Connely, cativante, redentor, apaixonante.

Verde que te quero Heineken, como uma mordaz Kriptonita, que nos atrai, nos vence em seu poder de sedução infinito, tentação contra a qual não vale a pena lutar, pois é bem melhor ceder e saber aproveitar. 

Verde que te quero Heineken, como a esperança que simboliza. Desejo muitos amigos, juntos, reunidos; e ver muitas mulheres, belas, sorridentes; e que a música seja boa , que toque a noite toda, que seja alta; que o clima seja agradável mas se não for, que a Heineken esteja gelada. E, claro, espero, quase imploro, que a minha verdinha esteja sempre meio cheia.

 Verde que te quero Heineken, diz meu instinto de preservação.

Preserve o verde

Tags: ,

2 Respostas to “Verde que te quero Heineken.”

  1. Gladis Says:

    é sua cara. sua e de samuca. rs

  2. Breno Machado Says:

    Essa foto é bonita mesmo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: