Coluna da Digi # 66 – Realizadores: Valério Medeiros

Publicado na coluna da Diginet em 07 de julho de 2009.

***

Há algumas colunas, escrevi sobre o filme “Sangue do barro” de Fábio de Silva e Mary Land Brito. Gostei de falar de um amigo (no caso, Fábio.) que fez um bom trabalho em sua área. Por isso decidi fazer isso de vez em quando e vou chamar essa série de crônicas de “Realizadores”. Hoje (07 de julho de 2009), trago mais uma dessa série. Um arquiteto natalense que está fazendo um trabalho da maior importância lá em Brasília. Senhoras e senhores, com vocês: Valério Medeiros!

 ***

 Realizadores: Valério Medeiros

Valério Augusto Soares de Medeiros é uma dessas pessoas extraordinárias com as quais a gente convive durante um certo período da nossa vida. Inteligentíssimo, de uma cordialidade bastante distinta, detentor de caráter e maturidade incomuns para um adolescente. Aos 15, já era a prova viva de que existem alguns seres humanos mais evoluídos do que outros. E antes que eu seja acusado de pregar a eugenia, explico o que entendo por ser humano evoluído: alguém cuja compreensão de mundo se dá de forma tão ampla que não guarda sentimentos mesquinhos e negativos, preocupando-se basicamente com o bem comum das pessoas que o cercam e do mundo em geral.

Valério sempre foi assim. Generoso, fazia questão de dividir sua capacidade intelectual fora do comum com quem quer que precisasse fazer uso dela. Além de tirar 10 em todas as matérias do colégio, escrevia com talento e desenvoltura invejáveis, além de ter aptidão para desenhar. Com tantos atributos, nós, seus colegas e amigos, sabíamos que o seu destino era ser bem sucedido qualquer que fosse a carreira escolhida por ele. Hoje, são os arquitetos que têm o privilégio de chamá-lo de colega de profissão. Aliás, primeiro lugar no vestibular da UFRN.

Um entre muitos primeiros lugares acumulados durante a vida. Venceu o concurso de monografias “O Senado das Mulheres”, promovido pela Fundação Vingt-un Rosado e também levou a primeira colocação num concurso nacional de redação do Ministério da Marinha com o tema “A importância do mar para o Brasil”. Na ocasião, recebeu o prêmio do próprio Presidente da República.

Hoje Valério é pesquisador da Universidade de Brasília e arquiteto da Câmara dos Deputados (Antes que alguém pergunte, nenhum político conseguiu esse emprego pra ele. Prestou concurso e passou em primeiro lugar.). Fazia um tempo que eu não sabia notícias dele até que, meio por acaso, li seu nome nos jornais.

Valério havia desenvolvido uma pesquisa na qual analisou as condições de tráfego de 164 cidades do mundo, incluindo 44 cidades brasileiras, identificando quais as melhores e piores cidades para se transitar e quais os fatores que influenciam para a fluidez dos carros. Numa época em que todas as capitais brasileiras sofrem com a lentidão do trânsito e as autoridades buscam incessantemente soluções para desafogar as ruas e avenidas, a pesquisa do arquiteto potiguar lança uma luz sobre o tema, uma vez que permite identificar razões para que as cidades melhor colocadas ocupam tais posições e seguir exemplos que possam evitar os nefastos engarrafamentos tão comuns nessa chuvosa cidade do sol.

De posse dos mapas de 164 cidades do mundo, Valério estudou todas as rotas e trajetos possíveis de serem percorridos e calculou (com a ajuda de um programa de computador) o “grau de integração” entre os caminhos. O estudo resultante de seu trabalho está a disposição de urbanistas de todo o Brasil e deverá dar uma enorme contribuição ao trânsito das cidades brasileiras e na consequente melhoria da qualidade de vida das populações. Ou seja, nesses anos todos, Valério Medeiros não mudou nada. Continua dividindo generosamente seu conhecimento com as pessoas. Ainda bem. Quem ganha com isso somos todos nós. 

Anúncios

Tags: , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: